Dia Internacional da Mulher em CG será marcado pelo Bloco das Mulheres

O Dia Internacional da Mulher em Campina Grande será marcado pelo desfile do Bloco das Mulheres, pelas principais ruas do Centro, hoje (08/03), com a participação de mulheres de toda região. A concentração ocorrerá a partir das 15h, na Praça da Bandeira. A principal bandeira do evento será “Pela Vida das Mulheres. Somos todos Marielle”, com o objetivo de denunciar a violência de gênero e lembrar o assassinato ainda impune da ex-vereadora carioca.

A Associação dos Docentes da UEPB – ADUEPB está participando da organização do evento junto com outros sindicatos, movimentos sociais e militantes sociais e tem intensificado sua divulgação nas redes sociais e na mídia tradicional, convidando a comunidade universitária e a população a participar e a se engajar também na luta contra a violência contra as mulheres, em defesa da previdência pública e das liberdades democráticas.

Entre as reivindicações das mulheres, entidades e movimentos sociais que apoiam a realização do 8M, o Bloco das Mulheres, também estão a revogação da Emenda Constitucional 95/2016, que congelou o orçamento federal por 20 anos; da reforma trabalhista e da lei da terceirização e contra a pobreza, o racismo, o machismo, a homofobia e a lesbofobia.

Com o envio ao Congresso da proposta de contrarreforma da previdência, o tema terá um espaço privilegiado no Bloco das Mulheres. A organização tem divulgado pelo menos 10 razões para o combate à proposta pelos prejuízos que causará às mulheres. Entre elas está o fato que elas, são maioria na ocupação dos empregos precários e sem contribuição previdenciária e são maioria no recebimento do BPC/LOAS por falta de acesso a direitos previdenciários, sendo duramente atingidas com as mudanças propostas.

Programação

Na programação do Bloco das Mulheres está prevista a concentração a partir das 15h, na Praça da Bandeira, seguida de uma caminhada pelas principais ruas do Centro, com o agrupamento dos participantes em várias alas, por temas e reivindicações das mulheres.

O desfile seguirá a seguinte sequência:  1) Faixa Marielle ; 2) Cruzes ( Ala Pela vida das mulheres); 3) Batuque  (Nenhum minuto de silêncio por nossas mortes); 4) Lama ( Ala contra o agronegócio e as barragens); 5) Direitos ( Ala contra a privatização e destruição dos direitos e previdência); 6) Sonhos ( Ala Lula Livre, Agroecologia, Direitos da previdência); 7) Fanfarra;

Sindicato

Dentro da programação promovida pela ADUFPB para lembrar o Dia Internacional das Mulheres, a ADUEPB participou ontem (07/09), através da sua diretora de comunicação, Mauriene Freitas, do debate “Mulheres e Sindicato”, na sede da entidade.

Atualizado em 08/03/2019 – 11h17

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *