ADUEPB inicia diálogos com deputados estaduais para evitar ou reduzir cortes orçamentários na UEPB

A diretoria da Associação dos Docentes da Universidade Estadual da Paraíba – ADUEPB está dialogando com deputados estaduais para tentar reduzir o impacto dos cortes orçamentários previstos para a UEPB em 2019. Na terça-feira pela manhã, diretores da entidade se reuniram com o vice-presidente da Comissão de Orçamento, deputado Frei Anastácio, para conhecer detalhes da Lei de diretrizes Orçamentárias desde ano e discutir propostas para aumentar os recursos destinados à universidade.

O deputado disse que está aberto ao diálogo com os professores da UEPB e que tentará ajudar no que for possível a ADUEPB, pela importância que a universidade possui para o desenvolvimento da Paraíba. “Vou conversar com os demais integrantes da Comissão de Orçamento e vamos buscar um entendimento”, garantiu.

O presidente da ADUEPB, Nelson Júnior, explicou que o Sindicato tentou impedir que os cortes no orçamento da universidade fossem incluídos na LDO deste ano, no primeiro semestre, mas não conseguiu sensibilizar os deputados e o Governo do Estado. “Agora estamos, mais uma vez, tentando impedir os ataques a universidade e defender os professores ativos e aposentados”.

A diretora de comunicação da ADUEPB, Mauriene Freitas, explicou a Frei Anastácio que as ações do sindicato estão centradas atualmente no campo político, mas a entidade não descarta ações judiciais para tentar impedir os cortes orçamentários e financeiros que estão previstos para o orçamento de 2019.

Também acompanhou a reunião o vice-presidente da ADUEPB, Leonardo Soares, e diretores do Sindicato dos Técnico-administrativos da UEPB, SINTESPB.  As entidades encaminharão a Frei Anastácio, nos próximos dias, um documento com todas as reivindicações e propostas para a LDO em benefício da UEPB.

ORÇAMENTO

Em 2017, a Assembleia Legislativa aprovou um orçamento para a UEPB em 2018 de R$ 317.739,269 este ano a proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias apresenta uma proposta orçamentária de R$ 292.822,363, configurando uma significativa redução das verbas previstas para a manutenção de uma universidade que hoje possui oito campi e mais de 20 mil estudantes em todas as regiões do estado.

Fonte: ADUEPB  – 07/11/2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *