ADUEPB terá chapa única na eleição da nova diretoria (2017/2019)

A eleição para a nova diretoria da Associação dos Docentes da Universidade Estadual da Paraíba – ADUEPB terá apenas uma chapa. Até o encerramento do prazo, às 18h de hoje, apenas a chapa “Resistência e Luta: por mais Direitos e mais Conquistas”, que tem como candidato a presidente o professor do Curso de Psicologia do Campus I, Nelson Júnior, se inscreveu. A eleição ocorrerá no dia 06 de dezembro e o mandato da nova diretoria se prolongará até 2019.
A formação da chapa tem também o professor Leonardo Soares (Campus V – Biologia) como candidato a diretor vice-presidente, a professora Elizabete Vale (Campus I- Pedagogia), como candidata a diretora 1ª secretária, o professor Ozeas Jordão (Campus I – Geografia), candidato a diretor 2º secretário, Lenilda Cordeiro (Campus I – Pedagogia), candidata a diretora 1ª tesoureira e a professora Josefa Josete da Silva (Campus I – Enfermagem), como candidata a diretora 2ª tesoureira.
A professora Mauriene Freitas (Campus IV- Letras e Humanidades) integra a chapa como candidata a diretora de comunicação, o professor Irio Vieira Coutinho (Campus I- Filosofia), como candidato a diretor de assuntos sindicais e a professora Elza Dantas de Albuquerque (Campus I – Contabilidade/Administração), como candidata a diretora de assuntos científicos, culturais e sociais.
Também integram a chapa os professores Andrea Morais (Campus III – Letras), como 1ª suplente, Tânia Maria Ribeiro (Campus I- Enfermagem), como 2ª suplente e Edson Holanda (Campus I – Computação) e Fernando Antônio de Farias Aires (Campus VIII/CCTS), como 3º e 4º suplentes.
Avaliação
O professor Nelson Júnior, candidato a reeleição como presidente, avalia que sobre “a eleição para a nova diretoria com chapa única podem ser realizadas duas leituras. A primeira é que poderia existir um desinteresse pela atividade sindical, mas considerando o dinamismo político dentro da UEPB, com os vários campos políticos que existentes na universidade, pelo quatro deles com capilaridade estadual, a existência de apenas uma chapa inscrita demonstra que o trabalho desenvolvido pela atual gestão encontrou ressonância na categoria, o que dificulta qualquer outro projeto de uma chapa de oposição com viabilidade política eleitoral”.
Calendário
Na quinta-feira (16/11), a Comissão Eleitoral publicará sua posição sobre a homologação da chapa e, em seguida, abrirá prazo de 24 horas para a solicitação de impugnação das chapas. A campanha eleitoral acontecerá do dia 21/11 até o dia 06/12, quando ocorrerá a votação nos oito campi da UEPB, no horário 8h às 21h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *